Quem sou eu

Minha foto
Sou casado, pai, cristão, membro e Presbítero da IPB de Cambui, no sul de Minas Gerais. Formado em Pedagogia pela Universidade do Vale do Sapucaí - UNIVÁS, em Pouso Alegre, Pós-Graduado em Psicopedagogia Institucional pela Faculdade de Administração e Informática - FAI, em Santa Rita do Sapucaí, e Especializado em Políticas Públicas pela UFSC, em Florianópolis.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Dia 3 de Outubro a vitória é certa...

Pois é amigos, não sou nenhum guru, nem adivinho, mas de uma coisa eu tenho absoluta certeza: no dia 03 de outubro a vitória é certa...
E o porquê desta certeza tão grande no resultado final? Ora, fácil. Porque nada acontece por acaso. Nenhuma folha cai do galho de uma árvore, nem uma gota de chuva toca o solo, sem que nosso Deus queira que isso aconteça. E ninguém se torna o líder político de uma nação por acaso e sem que Deus permita que isso se torne uma realidade.
Temos aquelas pessoas que gostam do calor e do agito da política e estão extremamente envolvidos nas campanhas. Estes, ao ler este texto provavelmente vão pensar: “Este cara é louco! Vou ficar sentado no meu lugar esperando o resultado da eleição ao invés de trabalhar por meu candidato? Nunca!”.
Mas não é bem assim. Não estou pedindo que você fique de fora do embate de idéias que uma campanha eleitoral deve proporcionar. Muito menos que você não se posicione ou não se envolva como cidadão num dos momentos onde provamos que vivemos uma democracia em nosso país.
Só estou dizendo que o resultado é certo, alguém vencerá o pleito, e quem quer que seja o vencedor das eleições para deputado, senador, governador ou presidente, esta pessoa só chegará a este resultado porque uma conjuntura de fatores o farão ser merecedor, inclusive e principalmente falando, com o aval de Deus.
Desde pequeno ouço as pessoas dizendo que Deus não se envolve com política ou com esportes, e que Ele tem coisas mais importantes para se preocupar. Pelo contrário, meus amigos, se Ele é criador de tudo que existe, e se importa profundamente com as nossas vidas, claro que também está interessado no resultado das eleições e em nossos governantes.
Deus é soberano sobre todas as coisas. Ele preordenou tudo que acontece, planejou e decidiu toda a história da raça humana. E uma pergunta é comum neste ponto: se Deus já planejou tudo, por que devo eu me envolver ou me posicionar? Como as nossas escolhas podem ter um significado real? A resposta é “simples”: todas as nossas boas escolhas são causadas por Deus, e consequentemente todas as nossas más escolhas são permitidas por Deus, porque Ele nos criou com o livre arbítrio, ou seja, temos a opção de fazer aquilo que queremos mesmo que esta opção não seja a mais sensata ou aquela que agrade mais ao coração do Senhor.
No próximo dia 03 novamente teremos a chance de fazer uma opção e não agir como omissos: escolher aqueles que serão nossos governantes e nossos representantes no legislativo pelos próximos quatro anos. Podemos fazer a escolha certa, aquela que vem de Deus, proveniente de Sua sabedoria e de Seu plano eterno, ou então podemos fazer aquela que agrada mais a minha família, a meu amigo, ou a meu patrão.
Só posso dizer que a história do que ainda está por vir já foi escrita, e que a vitória no final é certa!..., e pertence a Deus Pai. Confie... Não se exaspere com seu irmão, com sua esposa, seu vizinho, seus amigos, não se desgaste e nem perca o sono. Participe sim, debata e mostre sua opinião e confie, apenas confie... Que possamos pensar e meditar, e assim escolher nossa melhor opção para o voto, conforme a vontade de Deus.
A gente se fala...

Nenhum comentário:

Postar um comentário